Indicações Reais e Fictícias p/fazer cesariana.

LISTA C/INDICAÇÕES REAIS E FICTÍCIAS PARA FAZER CESARIANA BASEADAS EM EVIDÊNCIAS CIENTÍFICAS.

É um prazer poder ajudar a população a conscientizar, buscar conhecimento e não aceitar tudo que é imposto e dito como natural; sendo que a maioria dos nascimentos no Brasil segundo a OMS (Organização Mundial de Saúde) é feito de forma anormal por ser a maioria com cesariana, e não deveria ser rotineira; porque cesariana é uma cirurgia de emergência para salvar vidas. 

Tornar a cesariana uma rotina de nascimentos no Brasil, faz do nosso país ter uma das maiores taxas de mortalidade neonatal e diversos comprometimentos comprovados em pesquisas científicas.

Com isso, resolvi compartilhar a lista realizada por Melania Amorim (PHD e MD, pesquisadora e professora em ginecologia obstétrica) e por Ana Cristina Duarte (Obstetriz e Bióloga pela USP). 

Compartilho por ser uma questão importante de utilidade pública, muitas mulheres são enganadas e tem seus partos roubados ou até mesmo violentados por maneira grosseira e ignorante de alguns profissionais de saúde que induzem a cirurgia de emergência cesariana sem indicações reais, oferecendo alto risco para gestantes e bebês.

Estas informações vocês dificilmente verão na mídia, só se jornalistas conscientes de sua profissão resolverem publicar; a maioria dos profissionais de saúde não informarão e muitos nem possuem conhecimento por falta de atualização e outros motivos…

Quanto mais o povo estiver mal informado, é melhor para manipular, lucrar com isso. 

A cesariana na visão de alguns profissionais e o sistema, é muito mais lucrativa, possibilita fazer vários partos em um dia, tirando bebês antes do tempo já que todos de cesariana nascem prematuros por isso necessitam ficar na encubadora e distante da mãe em berçários (os de parto natural e nascidos sem comprometimento, não necessitam, vão por uma prática rotineira, errada é muito lucrativa). Bebês de cesariana não estavam prontos para nascer, comprometendo a saúde da mãe e bebê. 

O sistema e estes profissionais preferem arriscar a saúde da mãe e bebê (muitos por falta de conhecimento) do que esperar por horas um bebê nascer quando ele estiver realmente pronto. 

Essa lista é importante para você mulher, companheiro, amigos, parentes… saberem se foram ou não enganados, e orientar as outras grávidas. É importante para você que está gestando.

Passem a questionar, escolham melhor seus profissionais de saúde, mudem se necessário para um melhor e mais atualizado profissional, busquem informação e peçam que comprovem o motivo da indicação em bases científicas…sejam mais atuantes e não omissos e permissivos com a própria saúde.

Essa área da saúde mostra um período mundial de crise, reflexões, transformações, muitas mudanças já ocorrem em países desenvolvidos; precisamos acompanhar isso e não ficar de fora. 

A organização mundial de saúde exige que mudem a prática do nascer, exigem partos humanizados de acordo com bases científicas; o problema é que em muitas universidades há décadas os alunos e professores não enfatizam e nem ensinam mais assistência à partos naturais, por mil motivos, alguns por não quererem, acharem nojento, primitivo, não dá dinheiro…

  

  

E muitas intervenções, na maioria são realizadas por invenções de alguns profissionais que são transmitidas por gerações e muitas vezes não possuem fundamentação científica e impõe como necessárias e a população leiga acredita, exemplo: Episiotomia (corte do períneo); lavagem intestinal; proibir gestante de comer e beber horas antes do parto, deitar a mulher na cama na hora do trabalho de parto (essa posição coloca ela e o bebê em sofrimento e pode inibir o trabalho de parto, porque fisiologicamente a posição de parir é vertical) ; exigir depilação completa é desnecessário; subir na parte superior da barriga e pressionar com braço, pernas pra forçar a expulsão do bebê (isso é violência obstétrica), ficar todo tempo fazendo toque pra saber a dilatação (o toque na gestante dói, atrapalha a movimentação do trabalho de parto de expulsão, é contra o fluxo, ele não é necessário a todo instante – gestante não é um centro de degustação pra ser tocada todo instante. Mesmo se chegar em 10 de dilatação não quer dizer que está na hora e em que tempo o bebê vai nascer, é uma forma de trazer ansiedade pra gestante e para o profissional sem paciência de esperar horas, e abruptamente muitas vezes desnecessária induzem expulsão com medicamentos ou cesariana) ; puxar placenta e não permitir o tempo da expulsão dela de forma natural;  na hora do toque rasgar a placenta com o dedo…essas coisas são violência obstétrica e podem causar danos à gestante e ao bebê….

Existem muitas invenções como estas, muitas nem possuem comprovação científica certificando a necessidade e eficácia destes procedimentos, é só exigir que o profissional de saúde comprove e ele não terá como; estas práticas só colocam a mulher em sofrimento, estressa, inibe e atrapalha o momento mais importante dela e do bebê que é o trabalho de parto.

Leiam a lista, procurem se informar e não caiam na cesariana desnecessária; cesariana é cirurgia emergencial pra salvar vidas em casos de emergência que geralmente são raros e não devem ser marcadas de forma eletiva por motivos fúteis; como determina a organização mundial de saúde. 

Cada vez mais crianças ao longo do desenvolvimento apresentam questões de doenças de leve a sérias, de acordo com artigos científicos, uma das explicações é a forma equivocada de nascer; vamos melhorar o nascer no Brasil. 

Por que na Europa, na maioria dos países desenvolvidos não fazem cesariana de forma eletiva, é raro, predominam o parto natural?

Se eles que possuem condições  financeiras, tecnologia e conhecimento mais avançados que nós realizam essa prática (de partos naturais); por que fazemos ao contrário??

Quem é primitivo e índio como costumam dizer sobre as pessoas que valorizam ou fizeram parto natural; nós ou eles? 

Nós brasileiros somos tão capazes quanto qualquer pessoa no mundo de parir de forma natural; mas primeiro temos que mudar nossa mentalidade, parir os conceitos velhos e errados; nos instruindo com os novos conceitos.

Veja a lista na íntegra no link:

http://estudamelania.blogspot.com.br/2012/08/indicacoes-reais-e-ficticias-de.html?m=1s

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s